Gestão de obras: 5 atitudes que garantem a qualidade e o cronograma

Quem atua no setor da construção civil sabe que, infelizmente, os atrasos na entrega de obras é algo bastante recorrente. Problemas com a entrega de materiais de construção, falta de pessoal qualificado nos canteiros de obra e ausência de um bom planejamento na gestão de obras são os principais fatores que comprometem o cronograma e a qualidade na entrega.

A falta de eficiência operacional gera prejuízos para as construtoras e insatisfação para os engenheiros e arquitetos que atuam no projeto.

Mesmo com o cenário de instabilidade econômica, a previsão é que o setor da construção civil cresça 2% em 2018. Assim, engenheiros, arquitetos e construtoras que não querem desperdiçar a oportunidade de se destacar, seguem algumas dicas que garantem a qualidade da obra e, principalmente, o cumprimento do cronograma do empreendimento!

1. Gestão de Obras: Faça um bom planejamento

A falta de planejamento é um dos principais motivos que levam ao descumprimento do cronograma e acabam comprometendo a qualidade da entrega. Mesmo com adversidades típicas e problemas comuns à diversos projetos, mestres de obras e engenheiros acabam cometendo falhas graves devido à falta de planejamento. Isso ocorre porque muitos se baseiam apenas na própria experiência, sem se aprofundar nos fatores que podem impactar de forma negativa o trabalho e a continuidade da obra. Assim, antes mesmo de começar, é fundamental colocar cada fase no papel e planejar de maneira assertiva a entrega dos materiais de construção, as etapas de execução, a equipe necessária e até fatores externos como a previsão do tempo e problemas com recursos.

2. Gestão de Obras: Tenha um orçamento realista

A falta de recursos também é uma questão perigosa dentro da gestão de obras, já que pode provocar a descontinuidade dos trabalhos. Assim um orçamento realista e que expresse os custos do projeto é algo essencial para quem quer cumprir o cronograma e entregar a obra no prazo certo. Conciliar uma planilha de custos com as fases de execução é o ideal para que o cronograma não seja impactado de forma negativa.

Definir o orçamento de uma obra é uma parte extremamente importante do projeto e requer pesquisa de materiais, definição de bons fornecedores comprometidos com a entrega de materiais de construção, custos com equipe e análise de parâmetros do mercado.

Quer obter mais eficiência em sua obra? Então, BAIXE GRATUITAMENTE a nossa planilha de controle financeiro de gestão de obras!

3. Gestão de Obras: Escolha bons fornecedores

Um dos problemas mais comuns nos canteiros de obras são os atrasos na entrega de materiais de construção. Muitos insumos e materiais não podem ficar estocados no canteiro, por isso, a contratação de boas empresas fornecedoras de materiais de construção é o primeiro passo para manter o cronograma em dia. Empresas que fornecem insumos de base, como cimento e cal, devem ser altamente comprometidas com a entrega de materiais de construção, afinal, sem eles, a obra para! Por isso, cuidado ao escolher os fornecedores. Eles podem ter um significativo impacto no cronograma e na qualidade da entrega da obra.

4. Gestão de Obras: Tenha uma boa equipe

Equipe qualificada e motivada sem dúvida é um dos maiores desafios de quem faz a gestão de obras da construção civil. Além de treinamentos constantes, o gestor deve se preocupar em recompensar a produtividade, envolvendo toda a equipe na missão de cumprir o cronograma.

5. Gestão de Obras: Conheça cada fase da execução

Por fim, outro detalhe que faz toda a diferença no cumprimento do cronograma e na qualidade da entrega é conhecer cada fase de execução do projeto. Com base nesses conhecimentos, o gestor pode gerenciar com mais assertividade insumos e equipe, garantindo que tudo será executado com a maior agilidade e eficiência possível. Colocar no papel, planejar cada fase de execução pode parecer um detalhe, porém, evite confiar demasiadamente na sua experiência. Cada obra é uma obra e analisar cada fase com atenção evita que falhas pequenas acabem se transformando em grandes transtornos.

Evitar atrasos traz inúmeros benefícios dentro e fora da obra, proporcionando mais satisfação de clientes e de toda equipe envolvida! Por isso, este deve ser a motivação de todo gestor na hora de administrar um projeto.

Quer obter mais eficiência em sua obra? Então, BAIXE GRATUITAMENTE a nossa planilha de controle financeiro de gestão de obras!

Deixe um comentário