É comum presenciar nos finais de semana verdadeiros mutirões nas reformas das casas do Programa Minha Casa Minha Vida

É comum presenciar nos finais de semana verdadeiros mutirões nas reformas das casas do Programa Minha Casa Minha Vida

As 270 casas do Residencial Águas de Março, em Pedreira, nas proximidades do Jardim Marajoara, ilustram como os novos bairros estão se formando no interior do Estado de São Paulo, dentro do programa Minha Casa Minha Vida.

Este é um pequeno fragmento de um mercado silencioso, porém, detentor de um imenso poder de transformação sócio-econômico que merece atenção especial.

Condomínios desta natureza ganham vida e as casas que foram entregues começam a passar por adaptações, construção de muros e reformas de adequação para as famílias.

Solidariedade e mãos à obra
Nos finais de semana é comum ver o movimento dos moradores em verdadeiros mutirões nas reformas. Este movimento nos permite tecer algumas análises interessantes.

No caso específico de Pedreira, pequeno município de 60 mil habitantes, é possível tecer algumas análises abordando alguns cenários para os próximos anos. A cidade está prestes a passar por profundas transformações.

Em menos de 10 anos o município deixará de ser apenas uma cidade dormitório e passará a despontar como uma referência, abrindo espaço para abrigar condomínio de alto padrão temático.

Promessas de profundas transformações da vocação da cidade
Dois empreendimentos imobiliários sinalizam a nova vocação da cidade que despertou o interesse de formação de um complexo temático com autódromo, hotéis e condomínio, na Fazenda Capim Fino.

Deixe um comentário